Casa-Museu – Monsenhor Alves Brás completa 10 anos de existência

A Casa Museu – Monsenhor Alves Brás foi inaugurada a 19 de julho de 2008, pelo que se assinala, este ano, o seu 10º aniversário.

Esta Casa, situada em Casegas (terra natal de Monsenhor Alves Brás), no concelho da Covilhã,  é um espaço onde palpita uma memória viva e se cruzam membros da grande família humana. Perpetua a memória de um dos filhos que nela nasceram. Acima de tudo, esta Casa foi o lar onde cresceu o Joaquim, foi a forja onde se limou o seu temperamento, foi o espaço onde se dilatou o seu olhar. Aqui aprendeu a conviver com os outros, a ser forte perante o sofrimento, a ser dedicado no trabalho. Aqui aprendeu a ser homem generoso e exigente, fiel e forte, numa experiência existencial que pautou toda a sua vida.

A visita à Casa Museu – Monsenhor Alves Brás leva-nos a acompanhar o Padre Brás como “Filho da Terra” (Piso 0) no seu ambiente, como Padre em sua missão na “História da Pedra” (Piso 1) e como Fundador na “Parábola da semente e do fogo” (Piso 2).

No mês em que se assinala o Dia Internacional dos Museus (18 de maio) fica o convite. Visite ou revisite esta Casa-Museu.

      

Texto: Maria de Fátima Castanheira